“O crescimento e a consolidação do setor de serviços é um fenômeno mundial que desponta como a mais nova alavanca da geração de riquezas”. James Teboul

Potencial do Mercado de Seguros

A inovação, a criatividade e a tecnologia são aliadas desse setor que, nas últimas décadas, está transformando empresas, mercados de trabalho e consumidores, além de estabelecer novas formas de interação entre eles. No Brasil, o setor de serviços representa mais de 70% PIB.

Um mercado crescente e muito promissor, com público-alvo bem amplo e de fácil comunicação. O mercado de seguros tradicionais, apesar de promissor, é extremamente concorrido.

Num cenário otimista, o avanço do setor chega a 8,4% e num pessimista a 6,3% (sem considerar o seguro DPVAT). “Seja qual for a política que o novo governo implementar, todos os segmentos de seguros serão contemplados, pois o setor faz parte da resiliência das economias em qualquer país do mundo, seja para apoiar a saúde da população, administrar a renda para a aposentadoria, bem como mitigar riscos dos projetos de infraestrutura tão necessários para o crescimento do Brasil”.

A expectativa de faturamento do setor para 2018 é de R$ 442,1 bilhões, crescimento nominal de 3,1% em relação ao ano anterior.

Apesar de o Brasil ser a oitava economia do mundo, é o 12º colocado no ranking de seguros e 45º em arrecadação per capita em seguros. “Isso mostra o tamanho do potencial do setor em avançar para garantir que os projetos da sociedade se concretizem mesmo diante de imprevistos”. “Já se avançou muito, mas a necessidade de proteção da sociedade é ainda imensa”, afirma o executivo, mostrando dados como apenas 30% da frota de veículo nacional ter seguro, 14% das residências com proteção securitária e 24% da população coberta por plano de saúde privado. Em previdência, o potencial é ainda maior. Apenas 9% da população em idade ativa ou 13% da economicamente ativa possui planos de previdência privada. Outros nichos potenciais são de seguro para pequenas e médias empresas, de seguro que envolvam o agribusiness e planos odontológicos.

O Brasil é um dos países com menor número de pessoas com seguro de vida! (Universidade de Oxford)

  • Apenas 19% dos brasileiros possuem seguro de vida.
  • A média global é de 32% de segurados.
  • 56% dos que não têm seguro consideram adquiri-lo. (Susep)

Somos especialistas em seguros de vida, sabemos que este mercado é um mercado pouquíssimo explorado ainda, por isso, seremos pioneiros em apresentar soluções de alto valor agregado para as famílias, sem abrir mão de outros produtos do mercado segurador.

reiback-logo-horizontal
Reiback Negócios | Reiback Franchising | 2018

“O crescimento e a consolidação do setor de serviços é um fenômeno mundial que desponta como a mais nova alavanca da geração de riquezas”. James Teboul

Potencial do Mercado de Seguros

A inovação, a criatividade e a tecnologia são aliadas desse setor que, nas últimas décadas, está transformando empresas, mercados de trabalho e consumidores, além de estabelecer novas formas de interação entre eles. No Brasil, o setor de serviços representa mais de 70% PIB.

Um mercado crescente e muito promissor, com público-alvo bem amplo e de fácil comunicação. O mercado de seguros tradicionais, apesar de promissor, é extremamente concorrido.

Num cenário otimista, o avanço do setor chega a 8,4% e num pessimista a 6,3% (sem considerar o seguro DPVAT). “Seja qual for a política que o novo governo implementar, todos os segmentos de seguros serão contemplados, pois o setor faz parte da resiliência das economias em qualquer país do mundo, seja para apoiar a saúde da população, administrar a renda para a aposentadoria, bem como mitigar riscos dos projetos de infraestrutura tão necessários para o crescimento do Brasil”.

A expectativa de faturamento do setor para 2018 é de R$ 442,1 bilhões, crescimento nominal de 3,1% em relação ao ano anterior.

Apesar de o Brasil ser a oitava economia do mundo, é o 12º colocado no ranking de seguros e 45º em arrecadação per capita em seguros. “Isso mostra o tamanho do potencial do setor em avançar para garantir que os projetos da sociedade se concretizem mesmo diante de imprevistos”. “Já se avançou muito, mas a necessidade de proteção da sociedade é ainda imensa”, afirma o executivo, mostrando dados como apenas 30% da frota de veículo nacional ter seguro, 14% das residências com proteção securitária e 24% da população coberta por plano de saúde privado. Em previdência, o potencial é ainda maior. Apenas 9% da população em idade ativa ou 13% da economicamente ativa possui planos de previdência privada. Outros nichos potenciais são de seguro para pequenas e médias empresas, de seguro que envolvam o agribusiness e planos odontológicos.

O Brasil é um dos países com menor número de pessoas com seguro de vida! (Universidade de Oxford)

  • Apenas 19% dos brasileiros possuem seguro de vida.
  • A média global é de 32% de segurados.
  • 56% dos que não têm seguro consideram adquiri-lo. (Susep)

Somos especialistas em seguros de vida, sabemos que este mercado é um mercado pouquíssimo explorado ainda, por isso, seremos pioneiros em apresentar soluções de alto valor agregado para as famílias, sem abrir mão de outros produtos do mercado segurador.

reiback-logo-horizontal
Reiback Negócios | Reiback Franchising | 2018